quarta-feira, 30 de janeiro de 2013

VEREADOR JACÓ JÁCOME PRESENTEIA INSTITUIÇÕES FILANTRÓPICAS

NO DIA DO SEU ANIVERSÁRIO VEREADOR MAIS JOVEM DE NATAL VISITA E LEVA APOIO AOS NECESSITADOS
 
O vereador Jacó Jácome, o mais jovem edil no legislativa natalense, comemorou o seu primeiro aniversário como vereador no dia de ontem, 29 de janeiro. E esta comemoração se revestiu de um caráter todo especial, como tem sido os atos deste menino que colocou a sua vida e o seu serviço a favor do povo. Logo cedo, junto com o deputado e médico Antonio Jácome, seu pai, participou do devocional diário no templo central da IEADERN - Assembléia de Deus, no Alecrim, onde recebeu uma oração especial do pastor Martim Alves, presidente daquele ministério.
Logo depois, na sede do Partido da Mobilização Nacional - PMN, no bairro de Lagoa Nova foi surpreendido por amigos e correligionários com um café da manhã comemorativo ao seu 21º aniversário. Muitos dos que ali estiveram levaram como presente centenas de latas de leite em pó e mantimentos que foram, logo após a comemoração, doados a instituições filantrópicas da cidade do Natal, conhecidas da população e que já contam com o apoio do grupo de ação social e política ligado ao deputado Antonio Jácome.
O vereador Jacó Jácome, em todas as oportunidades que teve de falar aos que o cercaram no dia de ontem afirmou se sentir feliz em "numa continuidade do trabalho desenvolvido pelo deputado Antonio Jácome, abraçar a causa social e dar voz, num mandato concedido pelo povo de Natal, a instituições sérias e aqueles que mais precisam de apoio e atenção".
No LAE – Lar do Ancião Evangélico, Jacó Jácome foi recebido pelo pastor Aguinaldo de Andrade, presidente da instituição que agradeceu ao vereador e falou sobre a importância desse gesto amor cristão: “As doações nos dias de hoje são essenciais pra gente, pois sobrevivemos através delas”.
A tarde as visitas do vereador continuaram. Em visita ao Projeto Semear, instituição que trata pessoas com dependência química e que já recebe o seu apoio, Jacó Jácome fez questão de abraçar os internos e conversar com amigos e familiares presentes. Em sua fala o edil destacou o papel desempenhado pela instituição na "ressocialização de homens e mulheres que necessitam de um voto de confiança e de apoio para reiniciar a vida e, por acreditar nesta causa, não poderia deixar de hoje, um dia muito especial para mim, abraçar cada um destes meus amigos", disse o vereador.

3 comentários:

Pastor Edinaldo Domingos disse...

Amados a Paz do Senhor.

A Obra Social necessita ser levada a sério.
Parabenizamos ao jovem vereador por tão importante iniciativa social. Parabenizamos também o Blog A Força da Esperança, por divulgar estas boas noticias.

Parabenizamos

Um forte abraço.

Pastor Edinaldo Domingos

Bob Maia disse...

Eleito para a quarta suplência na Casa, Takayama (PSC-PR) tem 12 acusações pelo crime de peculato. Investigado pelo Ministério Público Federal, o pastor evangélico e deputado é acusado de desviar verbas públicas na contratação de funcionários para seu gabinete na época em que era deputado estadual no Paraná (1999-2003). Os servidores, apesar de bancados pela Assembleia Legislativa, cuidavam exclusivamente de interesses particulares do paranaense, inclusive realizando serviços religiosos.Quando vejo essas reportagens, incluzive citando o nome do Pr. presidente da IEADER,que fez uma oração lá no templo central, logo fico desconfiado que esses encontros e orações tenham cunho politiqueiros!MAS O JOIO NÃO SOBREVIVERÁ NO MEIO DO TRIGO PARA SEMPRE! MARANATA.

Bob Maia disse...

QUARTA-FEIRA, 13 DE MARÇO DE 2013
Feliciano paga pastores de sua igreja com dinheiro da CâmaraDeputado Marco Feliciano empregou
pastores com salário de até R$ 7.000
O deputado Marco Feliciano (PSC-SP)

Leia mais em http://www.paulopes.com.br/2013/03/feliciano-paga-pastores-de-sua-igreja-com-dinheiro-da-camara.html#ixzz2PFAPewvv Eleito para a quarta suplência na Casa, Takayama (PSC-PR) tem 12 acusações pelo crime de peculato. Investigado pelo Ministério Público Federal, o pastor evangélico e deputado é acusado de desviar verbas públicas na contratação de funcionários para seu gabinete na época em que era deputado estadual no Paraná (1999-2003). Os servidores, apesar de bancados pela Assembleia Legislativa, cuidavam exclusivamente de interesses particulares do paranaense, inclusive realizando serviços religiosos! A PERGUNTA QUE NÃO QUER CALAR É: ESSES DOIS CASOS SERIAM MERAS COINCIDÊNCIAS? OU TODOS USAM DESSES MESMOS EXPEDIENTES FRAUDULENTOS E AINDA SE AUTO DENOMINAM "PASTORES EVANGÉLICOS"? O IDEAL SERIA QUE O MPF ,FIZESSE UMA INVESTIGAÇÃO! NO MEU ENTENDIMENTO "OS FINS NÃO JUSTIFICAM OS MEIOS" POIS A BÍBLIA SAGRADA DIZ: "NÃO CHAME O ERRADO DE CERTO E NEM O CERTO DE ERRADO" SÓ BÍBLIA MEU FILHO! SE NÃO ACEITAR, CONTINUE NO MUNDO!!