sexta-feira, 8 de outubro de 2010

VÍDEO DO PASTOR PIRAGINE SOFRE CENSURA

YOU TUBE IMPÕE MEIOS QUE DIFICULTAM ACESSO

O vídeo em que o pastor Paschoal Piragine apresenta sua posição acerca das eleições 2010, visto por mais de 4 milhões de internautas, ganhou carimbo de censurado por parte do You Tube, site onde o mesmo está hospedado. Agora quem quiser ver o vídeo terá que estar registrado no site, fato que não ocorria no primeiro turno das eleições. 
Somos contrários a qualquer tipo de censura. 
Quem seriam os interessados em censurar a fala do pastor? Ao fazer o registro para visualização do vídeo surge um alerta: "ESTE VÍDEO OU GRUPO PODE TER CONTEÚDO IMPRÓPRIO PARA ALGUNS USUÁRIOS". Que tipo de usuário teria problema em assistir o vídeo do pastor Piragine?
Segundo Wilma Rejane, da União de Blogueiros Evangélicos - UBE, da qual fazemos parte, "Não se pode afirmar de onde veio a censura, mas como não é proibido pensar, pode se imaginar. A decisão além de estúpida é tardia, Piragine inundou as páginas dos blogs e pode ser encontrado facilmente - para tristeza dos adversários. Analise os fatos, diga não a ditadura que acena para o Brasil disfarçada de bandeira branca, mas encrustada de sangue".

4 comentários:

Sandro disse...

Graça e paz, sempre!

Passei por aqui para conhecer seu blog.
Estou procurando bons blogs para compartilhar.

Já estou te seguindo.

Ficaria muito feliz se puder me visitar.
Se quiser me seguir também será um prazer para mim.

Abraço em Cristo,

Sandro
http://oreinoemnos.blogspot.com/
Te espero lá.

Orivaldo P. Lopes Jr. disse...

Que coisa boa: uma vergonha a menos para o povo evangélico brasileiro.

Por que a cada eleição, nós evangélicos progressistas precisamos ficar gritando bem alto que os evangélicos não são todos, em bloco, fechados com a opção neo-liberal, e da acumulação de riquezas a todo custo? Por que precisamos enfrentar essa manipulação dos líderes que querem encabrestar o rebanho para o lado da direita, da opressão e da injustiça? Por que? Que facínio a direita exerce tão forte assim para os líderes evangélicos? Só pode haver uma resposta: cooptação.

Walter Gomes disse...

Obrigado pela gentileza de mandar-se suas observações, prezado Jailson Gomes.

Misael Lins disse...

Embora não concorde com o pastor Piragine, abomino qualquer tipo de censura. Penso que todos devem ser ouvidos, lidos, etc.