quinta-feira, 9 de fevereiro de 2012

PASTOR IVAN GONÇALVES EMITE CARTA ABERTA AOS MINISTROS DA IEADERN

CARTA ABERTA AOS MINISTROS DA IEADERN

Prezado companheiro, a IEADERN está vivendo um momento decisivo em sua história, Com a renúncia e jubilação do nosso querido Pastor Raimundo João de Santana e, tendo em vista disposições estatutárias, faz-se necessário o processo eletivo para a escolha do futuro Pastor Presidente.
Há alguns meses atrás, não imaginava ver-me participando desse importante processo. Mas, Deus me despertou encorajando-me para colocar o meu nome à disposição do Ministério como candidato à presidência da IEADERN.
Deus nem sempre usa os capacitados, mas capacita aqueles a quem quer usar. Não faço parte de uma elite, nem de alguém com currículo acadêmico. Todos me conhecem. Sou homem simples e não tenho apoio político ou financeiro. Mas, confio que Deus pode me usar em prol dos interesses maiores de sua amada Igreja. Não desejo fabricar programa de gestão administrativa para a IEADERN sem ouvir os ministros da Igreja. Não vou romper com minhas origens e fazer negociata, nem muito menos usar até de expedientes escusos para chegar a tão importante e consagrada responsabilidade. Quero poder dizer: Foi Deus quem me deu vitória através dos meus companheiros de ministério e não por mão de uma empresa de marketing, ou mesmo de técnicos, que de vida pastoral (ministerial), não entendem nada. Entendo ser dos diálogos que construiremos um novo momento para a gestão da IEADERN, em todas as áreas do seu funcionamento. Não quero construir nada em gabinetes, com os gestores profissionais, os técnicos e doutores em gestão empresarial. Esse povo, dos que temem a Deus e são convertidos ao santo evangelho de Jesus Cristo, nós os utilizaremos na hora certa. Porém, quem entende de Igreja é Pastor. E Deus para esse ofício nos chamou.
Daí eu, juntamente com tantos no colegiado de ministros da Igreja, que não possuem título acadêmico, temos prova material não ser esse o mais importante requisito de um Pastor (julgo um acessório valioso, mas não indispensável para o exercício ministerial). O uso de palavras persuasivas para impressionar as pessoas (não é bom esquecer que, ministro de Deus tem maturidade e discernimento, portanto, não será lesado por falácias}. sei que a Igreja precisa e quer um Pastor que preencha os requisitos: espiritual, moral e o mais importante ... "seja um homem aprovado que não tenha de que se envergonhar". Pela graça do bondoso Deus, sinto-me em condições de humildemente me apresentar para todos os meus colegas ministros, de cabeça erguida, para postular a tão importante e consagrada responsabilidade de Pastor Presidente da IEADERN para os próximos anos. Não tenho projeto de poder, e sim, o desejo de servir ao santo ministério. 
É evidente o poder aquisitivo do outro postulante e a estrutura que está à sua disposição.  lsto, na relação "política mundana", é chamado de falta de igualdade de direitos, de injustiça e comprometimento do pleito. “No entanto, é perceptível e está longe do padrão de justiça que Deus em sua preciosa Palavra deixou para nossa instrução  “ ...balança de duas medidas são abomináveis ao senhor ... ". Ainda, lamentamos o fato da Comissão Eleitoral não ter orientado em nada o assunto, como também, a presidência em exercício da IEADERN usar a Igreja para beneficiar o outro postulante, em pleno culto de sexta-feira 21/01/2012, ocasião em que marcou a posse coletiva dos coordenadores de Igreja em Natal, constrangendo-os no transcorrer do culto a abonarem a ficha para registro da sua candidatura. Mesmo com todas as facilitações, este ainda tem procurado "políticos profissionais" e partidários e até mesmo a governadora do Estado.
Receba caríssimo ministro, o convite deles para as reuniões pomposas, de comi lanças, apresentações de "vídeos impressionantes"; participe, porque não faz mal; trate bem, afinal somos cristãos, irmãos em Cristo, companheiros de ministério e, esse momento vai terminar dia 11/02, voltando tudo ao normal. Não vamos desgastar nossa relação pessoal com ninguém “... segui a paz com todos .. ." em nome de Jesus. Escolhi e preferi o contato pessoal, o corpo a corpo e, tenho aprendido grandes lições que muito tem me ajudado nessa árdua caminhada. Até o presente momento não usei nenhum púlpito para fazer campanha e nem promovi grandes encontros, por entender ser o contato individual bem mais valioso e, com isso, horizontalizo as relações e digo não à verticalização da gestão administrativa. No entanto, o voto é secreto e, diante da urna, é só você e Deus na escolha da pessoa para lhe representar, que deve ser um Pastor que tem identificação e relação amistosa com o ministério. Os dias exigem de um líder interação, respeito ao liderado (não só por ocasião de uma eleição) “... cada um considere os outros superiores a si mesmo ... " Certamente o ministro está fazendo essa avaliação.
Aproveito para garantir ao ilustre que, não mancomunei com meia dúzia de pastores barganhadores, (que infelizmente existem) interessados em seus planos pessoais, que não tem nenhum compromisso com o coletivo. Aqueles que estão me ajudando é porque entenderam a oportunidade de mudança atitudinal na prática ministerial em que, o todo seja posto na sua devida ordem e em seguida o individual, desejando sempre a glorificação do nome do Senhor Jesus. Portanto não tenho prometido nada a ninguém em troca do voto e, sendo assim, posso dizer que tenho compromisso com todos que amam essa obra.
Não busco interesses pessoais ou de grupos, mas viso o interesse maior da Obra do Senhor Jesus Cristo. Resumo os objetivos que desejo perseguir, segundo a vontade de Deus: 1) Valorizar o ensino da palavra de Deus, promovendo seminários para obreiros; 2) Valorizar a unidade do ministério (Sl 133); 3) Defender a transparência administrativa no uso dos recursos da igreja (Fp 4.8); 4) Incentivar a evangelização local, regional e transcultural (Mc 16.15); 5) Incentivar ação social, em prol dos menos favorecidos, especialmente dos obreiros; 6) valorizar a estruturação da convenção Estadual de Ministros. 7) Implantar um sistema que promova uma jubilação justa aos obreiros menos assistidos, bem como às viúvas dos pastores que tanto serviram à Obra do senhor.
Assim, companheiro, ministro do evangelho, desejo contar com suas orações e seu Voto na eleição no dia 11 de fevereiro de 2012. Ali, você poderá usar apenas a sua consciência cristã, através do exercício democrático, do voto secreto, quando ninguém será coagido ou ameaçado. Basta orar e votar com liberdade e convicção.
Forte abraço na Paz do Senhor.
Natal, fevereiro de 2012.
IVAN GONÇALVES DE OLIVEIRA - pastor

9 comentários:

Siloé disse...

INFELIZMENTE POUCOS PODEM VOTAR, NÓS MEMBROS SOMOS EXCLUÍDOS DESSA ELEIÇÃO "DEMOCRÁTICA" CERTAMENTE SOMOS TODOS MENINOS ESPIRITUAIS? NÃO SOMOS, SOMOS SERVOS, MEMBROS DO MESMO CORPO COM TODOS OS DIREITOS ADQUIRIDOS. OREMOS PRA QUE A VONTADE DE DEUS SEJA FEITA.

ALERTO: PELO MENOS DIÁCONOS,PRESBÍTEROS E AUXILIARES DEVERIAM VOTAR.

CONCORDO COM PASTOR IVAN GONÇALVES QUE PARECE SER UM HOMEM SIMPLES, JÁ O PASTOR MARTINS NÃO POSSO FALAR, POIS A MÍDIA POR SIM SÓ JÁ DIZ TUDO, E NO MEU VER ESTÁ MUITO PRÓXIMO DA POLITICAGEM. E "EU" EU DISSE EU, NÃO CONCORDO COM A SOMA iGREJA+POLITICA= CONSTANTINO LEMBRA DELE?

grande é disse...

DEUS VAI FAZER UM MILAGRE ELEGENDO O Pr. ivan para mostrar que ele o senhor não compactua com TRAIÇÃO,COM ARMAÇÃO,JUDAS,NEGOCIATAS E TANTAS MENTIRAS,... OLHAI GENTE ELES ESTÃO COM TANTO MEDO QUE PATROCINARAM A VINDA DE MISIONÁRIOS PARA VOTAR RESTA SABER QUEM ESTÁ PAGANDO ? NÃO ESQUEÇA QUE O VOTO É SECRETO E NA HORA NÃO TEM CONTRAGIMENTOS OU COAÇÃO PR. IVAN ESTÁ VINDO COM MAIS 120 VOTOS SOMENTE DO INTERIOR + NATAL + PARNAMIRIM vamos a vit´ria

Urbano Azevedo disse...

Gostaria que o pastor Ivan se pronunciasse em relação as acusações que falam sobre ele ser AGIOTA e outras coisas mais...
Tem que se defender se não deve nada a ninguem

igreja missionária ide e anunciai disse...

se eu fosse desse ministério esse pr.ivan ja levaria o meu voto.mais não sei,acho que o dinheiro vai funcionar aí,Deus abençoe que eu esteja errado.

Josamara disse...

O PASTOR MARTIN É UM HOMEM UM SERVO DE DEUS ALTAMENTE PREPARADO PARA ASSUMIR ESTE CARGO, ENTENDE DA PALAVRA DE DEUS, É ORGANIZADO, UM HOMEM SÁBIO EM SUAS PALAVRAS, E AO MEU VER ESTÁ MAIS PREPARADO PARA ASSUMIR O CARGO DO QUE O PR. IVAN

wagnerf disse...

QUER DIZER ENTÃO QUE SER ORGANIZADO, TEOLOGICAMENTE PREPARADO, COM FORMAÇÃO SUPERIOR, SE NÃO ME ENGANO SÃO DUAS (direito e pedagogia), METÓDICO, FIRME NAS CONVICÇÕES É PECADO?

Ricardo disse...

O pastor Martin tem demonstrado ser altamente preparado para assumir cargo político, alianças ele já tem “político corrupto e adultero”. Quero aproveitar para fazer um comentário ao pastor seboso Israel Caldas, o qual deveria está neutro e não fazendo campanha, se essa igreja tiver a maioria de homens espirituais, podem até não votar no outro candidato, mais não colaboraria com essa pouca vergonha, vivida em uma igreja que parece que foi seria

Ricardo disse...

Anote
A Igreja Assembléia, tem se envolvido em muitos escândalo no pais, e aqui em Natal, com essa pouca vergonha vivida por políticos que se dizem pastores, digo sem medo de errar, vai ser o avanço para uma igreja que já foi referencia, e hoje já é dividida em doutrinas e por canalhas

Profº Francisco Gondim disse...

Uma pouca vergonha essa de ficar difamando obreiros na rede mundial. Será que não conseguem mais separar o santo do profano? Ou essa gente banalizou o sagrado de vez?

Eu sei que pastor pode errar, pois continua sendo humano, mas a internet não é o lugar para se expor esses problemas. Será que um crente/pastor temente tem coragem de fazer essa barbaridade? Esse povo não conhece mais o Deus que escolhe o Davi, mesmo que tentem colocar vários outros no seu lugar?

Qual a necessidade de se ficar com essa vergonha na rede? Eu acho que isso só contribui para o nomme de Jesus ser ridicularizado pelos incrédulos.

Onde está o Deus dessa gente?