sexta-feira, 6 de dezembro de 2013

UM PRÍNCIPE COMENDO COM OS PORCOS - PARTE 04

Marcado pela morte e selado pelo Espírito Santo

Em 1971 a Convenção de Ministros Evangélicos do Rio Grande do Norte – órgão que reúne os pastores da Assembleia de Deus no RN, hoje CEMADERN – transferiu o pastor João Gomes, meu pai, para a cidade de Areia Branca-RN.
Igreja pequena, com dificuldades de adaptação do povo local ao doutrinamento assembleiano, inicialmente rejeitada pelo indicado, foi onde o pastor João Gomes desenvolveu o seu mais profícuo ministério.
Cheguei à cidade com a saúde debilitada, sendo logo adotado por muitos irmãos.  Vivia nos braços do povo, carregado pra cima e pra baixo por irmãs que até hoje guardo no coração.
Um dia, com cerca de 06 anos de idade, após o almoço, sai da mesa chupando uma manga. A intenção, segundo se supõe, era avistar a chegada de papai da cidade de Mossoró. Sem que ninguém percebesse, coloquei a fruta sobre o parapeito da janela e, num esforço descomunal para uma criança daquela idade, subi na mesma. Ao alcançar o alto da janela, pus as mãos sobre a manga e escorreguei. Sem o amparo de ninguém cai e bati com a cabeça no chão da calçada, ficando desacordado.
Um vizinho, senhor Lourival, estava ao longe sentado à sombra de uma árvore. Viu a cena e ficou preocupado. Não vendo nenhuma reação minha e nem a presença de alguém que me socorresse, correu até a nossa casa, chamou por mamãe que, saindo de casa, apanhou-me em seus braços e, gritando por Jesus, me colocou sobre a cama desacordado.
Foi um tremendo golpe. Ali estava eu, desfalecido, ficando com a pele escurecida, sem esboçar nenhum sinal de vida. Ali estava mamãe em desespero, comigo em seu quarto, chorando e orando. Minutos depois, voltou comigo em seus braços, cheio de vida e assustado com o alvoroço de meus irmãos.
Aos sete anos já assumi algumas atividades de auxílio a papai no ministério. Com orgulho e cheio de prazer, pegava uma máquina de datilografia e produzia a escala de cultos para as semanas, com locais e dirigentes, fazendo o rodizio dos obreiros locais e pontos de pregação e congregações. Sentia-me o secretário do pastor João Gomes. Função que assumi, mesmo sem oficialização, até o dia do seu falecimento.
O irmão Severo Marcolino, da Igreja em Grossos-RN, criou uma Campanha de Oração com as crianças do campo de Areia Branca – Grossos, Tibau e Areia Branca – pelo batismo com o Espírito Santo. Foi um dos momentos que nunca me saiu da lembrança. Era lindo ver centenas de crianças em todo o campo serem selados pelo Espírito Santo e falarem em novas línguas. Não me sai da memória os vários cultos onde o poder de Deus se manifestava de forma sobrenatural e aquele derramamento de poder atingia a toda Igreja. Foi num destes dias, em 07 de julho de 1975, que eu e Meida, minha irmã, falamos pela primeira vez em línguas estranhas.
Um dia, uma jovem da Igreja de Areia Branca, Eunice (conhecida como Nicinha, da comunidade de Casqueira), não veio a Igreja. Perguntei pra irmã Joanira por ela e fui informada que estava em casa, acometida por uma forte dor. Sai da Igreja e chegando ao local onde a mesma se encontrava, pus as mãos sobre ela, orei e ordenei a cura. Voltei pra Igreja e alguns minutos depois ela chega e pede pra contar o prodígio que Deus operara.
Esses fatos só aumentava a expectativa do projeto de Deus para a minha vida.


4 comentários:

Luz13 disse...

Oi Aline, da Cidade das Pirâmides, já fez as previsões para o ano de 2014.Não perca https://www.youtube.com/watch?v=6v_iFO6_dyc Abraços.

Luz13 disse...

Oi Aline, da Cidade das Pirâmides, já fez as previsões para o ano de 2014.Não perca https://www.youtube.com/watch?v=6v_iFO6_dyc Abraços.

António Jesus Batalha disse...

A minha visita é apenas para lhe desejar um Feliz-Natal, e um Ano-Novo cheio de paz, alegria,
Amor e grandes vitórias.
Renovar mais um ano de amizade,se me der a gentileza de sua visita ficarei
também muito feliz.
Um abraço amigo de António Batalha.

Genikarla Benigna disse...

Sua trajetória para por aqui?!!