terça-feira, 6 de março de 2012

O ESQUEMA DE "CAIXA DOIS" NAS IGREJAS

CONSTATAÇÃO ENTRISTECE MEMBRESIA E PÕE EM CHEQUE VALORES CRISTÃOS

O caixa dois é um dinheiro não contabilizado, não oficializado. As empresas e os políticos usam para sonegar impostos e para alimentar redes de relações. É interessante observar que o caixa dois é uma prática em diversas igrejas evangélicas. O problema acontece principalmente em denominações como as Assembleias de Deus, onde as congregações normalmente “sustentam” as respectivas sedes. O objetivo é evitar que todo o dinheiro que entra na congregação seja dirigido para uma sede distante.
Não quero comentar o valor moral do caixa dois em igrejas evangélicas. Sendo certo ou errado é uma questão menor neste texto. Fiquei escandalizado ao saber dessa realidade, mas existe a causa. A questão principal é: por que congregações fazem caixa dois para não mandar todo o dinheiro para uma sede? Por que alguns dirigentes tomam essa medida tão extrema? Qual a questão de fundo?

Algumas questões
1. O esquema “congregação sustentando sede” é irracional
As congregações mais pobres mandam dinheiro para sedes ricas. Isso soa irracional e o é. Na maioria das Assembleias de Deus e seus ministérios o esquema é parte essencial das igrejas pequenas com suas centrais. É comum ver templos maravilhosos em sedes pomposas e congregações em salões alugados sem nenhuma estrutura.
2. A congregação não possui autonomia sobre o dinheiro que arrecada
Na teoria a Assembleia de Deus é congregacional. Mas isso é só teoria, infelizmente. As congregações não possuem autonomia administrativa e financeira. As escolhas de investimento e aplicação dos dízimos e ofertas são feitas pelas respectivas sedes. Nada menos congregacional.
3. O dinheiro que vai para a sede não volta em resultados práticos
Durante anos e anos a congregação direciona dinheiro para uma sede, mas não recebe nada de volta. O dinheiro sempre vai, mas nunca volta em forma de investimento. É um dinheiro que fica invisível para quem contribui na base, pois o mesmo continua congregando em um salão alugado sem nenhuma estrutura. Não se vê investimento em missões transculturais, estrutura física da Escola Bíblica Dominical e assistência social.
4. A falta de transparência
O que é feito com o dinheiro? Onde é investido? Quais os planos futuros que envolvem contribuição financeira? Quando é direcionado para assistência social? Difícil responder qualquer uma dessas perguntas, pois nenhum relatório é disponibilizado. O único relatório disponível nas igrejas é aquele onde marca os “contribuintes do mês”.
É interessante ver como o apóstolo Paulo era preocupado em prestar contas às igrejas, mas hoje parece que isso não é necessário. Paulo, inclusive, não queria que o tema fosse empecilho para a proclamação do Evangelho. A sociedade contemporânea cobra coerência e transparência dos governantes, mas a igreja, como instituição, parece que não se deu conta disso. Lamentável.
________
Portanto, falar em dízimos e ofertas em um ambiente onde as pessoas veem o dinheiro que contribuem simplesmente “sumindo”, pois o resultado é invisível, logo fica difícil de ver um aumento da contribuição voluntária. 
Gutierres Fernandes Siqueira

14 comentários:

Urbano Azevedo disse...

Essas coisas devem ser analisadas pelo nosso presidente Martin, para que seja feito algo em favor das congregações. Uma coisa que deve ser feita no meu ponto de vista é a Central financiar a compra de congregações alugadas e construir todas que tem terreno próprio.
Acho que o que seria mais justo que as congregações mandassem para a Sede apenas o "dizimo dos dízimos" ou seja enviar apenas 10% da arrecadação local e o restante ficar para beneficio da congregação e sustento pastoral.

Erivam Fernandes disse...

É impressionantemente a raiva que Jaílson tem da Assembleia de Deus, parece que pra ele Assembléia de Deus no RN não tem nada de bom para ser divulgado neste blog.

Divulgue a festa do dia 10 de março aí.

Nascimento disse...

O modelo da Assembléia de Deus é misto. Ora é episcopal, ora Presbiteriano e outras é congregacional. EX: há decisões que são tomadas pelo Pastor ou diretoria, isto a nível de instituição, ou pelo dirigente da congregação(Episcopal), outras são tomadas pelo corpo de ministros nas convenções, ou pelo corpo de obreiros nas congregações(o que poderia ser considerado presbiteriano) e finalmente outras são tomadas pela chamada assembléia geral como teremos no próximo dia 10 para referendar a eleição do pr. Martin alves como presidente da IEADERN. Quanto ao seu comentário sobre caixa dois, considero duas observações: primeiro,o local não ser o ideal para esta discussão. Segundo, presisa ter cuidado quando diz que isto ocorre nas congregações da IEADERN, como pratica comum, indica quais congregações tenha certeza que isso acontece para não jogar lama nos que não fazem isto.

Anom disse...

Caros Irmãos

O que os irmãos acham que vai acontecer com certo pastor que comprou um carro usando de esperteza para ficar com o dinheiro de seguro (22.000,00)??

A) VAI RECEBER UM CAMPO EM UMA CIDADE POLO QUE RENDE ACIMA DE 10.000,00;
B) VAI SER PASTOR DE UMA IGREJA POLO EM NATAL;
C) VAI SER PASTOR EM UMA CONGREGAÇÃO QUE NÃO É POLO, MAS TEM UMA BOA RENDA;
D) VAI PARA O CAMPO MISSIONARIO EM UM PAIS DESENVOLVIDO;
E) VAI SER CANDIDATO A UM CARGO POLITICO COM O APOIO DA IEDERN;
F) VAI OCUPAR UM CARGO NA NOVA DIRETORIA;
G) DEVE SER DISCIPLINADO E DEVOLVER OS 22.000,00 AOS COFRES DA IEADERN.

Favor mande as suas respostas

Pb Fernando disse...

Concordo plenamente com o irmão Gutierres, é uma vergonha o que muitos líderes cristãos estão fazendo com o dinheiro dos santos, não prestam contas, não dão satisfação desse dinheiro a quem deveria ou, seja, aos santos que dizimam e ofertam.
Mais uma vez deixo aqui minha pergunta: Onde estão os presbíteros corajos para fixar os salários do Pr. da igreja local a qual eles se congregam comforme o estatuto determina?

Aqui em Macau acontece a mesma coisa o presbitério é inoperante, medroso e alienado!

Urbano Azevedo disse...

Ao irmão Anom: deveria acontecer a ultima opçaõ, porem eu acho que vai acontecer todas as outras menos a correta. KKKK (lamentavel)

teo disse...

Jailson Gomes sua finalidade nesse blog é macular a IADERN, pois o Pr. Ivan não ganhou ( O pastor que você fazia campanha. Não vejo aqui você falar nada do dia 10,o que é que tá acontecendo? Eu ainda não ví um se levantar contra a obra de Deus pra ficar de pé? O que o Saudoso Pr. João Gomes acharia das suas atitudes?

Araújo disse...

Qualquer denominação evangélica que se diz cristã (seguidor de cristo), mas utiliza qualquer costume ou ordenança da lei mozaica, como por exemplo: Guardar o sábado ou mesmo a ordenança que se deve pagar o "Dizimo", pregando um evangelho falso o qual nega o sacrifício da cruz.

Lamento, mas essa igreja não é a verdadeira igreja de Jesus Cristo.

Araújo disse...

Qualquer denominação evangélica que se diz cristã (seguidor de cristo), mas utiliza qualquer costume ou ordenança da lei mozaica, como por exemplo: Guardar o sábado ou mesmo a ordenança que se deve pagar o "Dizimo". Prega o falso evangelho o qual nega o sacrifício da cruz.

Lamento, mas não é essa a verdadeira igreja de Jesus Cristo.


"NÃO" ao pagamento obrigatório de "dízimos". (Antiga aliança)jugo pesado da lei mozaica.

"SIM" a contribuição voluntária
(Nova aiança) Disse Jesus: O meu jugo é suave e o meu fardo é leve.

Anom disse...

Caros Irmão Teo

Creio que o irmão tem razão

O Dia 10 de Março de 2012 será um dia especial

Espero que a própria IEADERN não macule o seu próprio nome

Espero:

a) Que seja uma reunião solene e no mover do Espírito Santo e NÂO UMA CONVENÇÃO POLITICA;

b) Que NÂO tenha um destaque para os Políticos;

c) Que os políticos não tomem assento no Púlpito que está reservado para os obreiros que são consagrados;

d) Que os políticos não aproveitem o evento para distribuir os panfletos de suas candidaturas

e) Que todas as honras sejam somente para o Senhor JESUS;

f) Que comece realmente no horário que está marcado;

g) Que haja discernimento de que os políticos que estiverem no local, não estão interessados no cartão de membro dos irmãos e sim TITULO DE ELEITOR

h) QUE A IEADERN NÃO MANCHE O NOME DA IEADERN;

i) etc..


“Antigamente quando aparecia a foto de um FORA DA LEI, se pedia uma recompensa, HOJE, se pede VOTO”

Erivam Fernandes disse...

A festa do dia 10 não é uma festa só do Pr. Martin Alves, mas se de todos os assembleianos do Estado do Rio Grande do Norte, que vão fazer presente das diferentes regiões, e não só das regiões do Estado, mas do Brasil que estarão glorificando a Deus.

Vamos a grande festa irmãos.

Urbano Azevedo disse...

DIGAM NÃO A POLITICA DENTRO DA IGREJA!
Espero realmente que no dia 10 seja realmente um trabalho maravilhoso aonde a presença do Espirito Santo esteja operando milagres e maravilhas e deixo um recado para os políticos que porventura queiram ir lá: Se não forem crentes fiquem sentadinhos lá em baixo quietinhos e caladinhos; se forem crentes e do ministério ai sim podem sentar-se no ministério mas mesmo assim continuem quietinhos e caladinhos; mas podem GLORIFICAR.

IRMÃO EDUARDO disse...

A Paz de Cristo na sua vida
Como já tinha dito antes, é necessário que se tome vergonha na cara e se preste mais atenção na Obra de Deus. Deus não quer e não aceita que:
- pastores vivam em mansões ou prédios de luxo, carros importados, dando tapinha nas costas que nem os políticos fazem, comendo nas melhores churrascaria;
- E OS IRMÃOS QUE ESTÃO NA OBRA NO MEIO RUA A NOITE ??? com fome, frio, fazendo a Obra de Deus sem um tostão, sem uma boa caixa de som, sem microfone médio, com só 5 metros de fio de microfone, sem iluminação, sem distribuição de Evangelismo, de Harpa Cristã, sem principalmente, distribuição de Bíblia Sagrada;
- Sem falar que eles se esquecem da menção de Deus que está em Marcos 16.15 (da própria Bandeira da AD),
- Sem a visão de que tem ovelhas no aprisco, tem ovelhas perdidas, tem ovelhas maltratadas por dirigentes sem conhecimento, dirigente que só quer fama;
OBSERVAÇÃO:
Quem busca a FAMA:
- não priva pelo caráter;
- vende a alma;
- levanta calúnia;
- menti;
- quer ver a tua derrota para entrar no teu lugar;
- não quer saber de Espiritualidade;
- quer saber do dinheiro, carro importado;
- quer a câmera, quer a fotografia, o aplauso !

Quem busca RECONHECIMENTO:
- Tem joelho no chão;
- espera o tempo de Deus
- priva pelos que estão sedentos da Palavra;

Pra terminar,
Aí, se levanta meio dúzia de babão por dinheiro, meia dúzia de mau caráter, meia dúzia de irmãos que se dizem, (irmãos), mas não atende o Ide de Jesus, para dizerem que sou pessimista, e que eu só vejo defeito. O Evangelho de Jesus não tem defeito. Tente copiar e colar isso na tua vida.
Delete o que não presta.
Continuarei falando, mesmo porque, essas pessoas não aceitam que discordem deles. Pois continuarei falando de você que está aí só por razões políticas, mesquinhas e egoístas. Vamos ORAR para Deus mudar estas situações do qual Ele, não faz parte. O Agir de Deus é lindo, mas só nas vidas de quem são FIEIS. Que Deus tenha Misericórdia de nós e também de vocês.
A Paz do Senhor Jesus ao Povo de Deus.
Irmão Eduardo- apenas servo

Siloé disse...

concordo plenamente com o comentário do irmão Eduardo, voltemos ao evangelho neotestamentário.